Com ritmo de jogo, os resultados aparecem

(Texto originalmente publicado no Blog Oficial do PokerStars em 6/7/2015, link original)

 

Junho foi um mês muito bom de grind. Coloquei um volume excelente no online, com muitas mesas finais e cravadas. No live não foi muito diferente, trouxe três troféus para casa: dois de campeão e outro de segundo lugar. Por sinal as cravadas foram em grande estilo, um High Roller cravado na segunda-feira e outro cravado na terça, “back to back”!

ban_bsop_rio_quente_dia 2c.jpg

Ivan “Ban” Martins

Esses resultados e o volume vieram em grande parte devido ao ritmo de jogo. Fazia tempo que não mantinha uma rotina tão disciplinada e forte! Tenho começado a jogar cedinho, às vezes o dia nem clareou e já tem as primeiras retas finais do dia e isso foi algo que gerou bastante perguntas, seja de melhor horário para jogo ou por que escolhi esses horários. Afinal, desde sempre houve aquele estigma que jogador de poker é um pouco parecido com jogador de futebol, não funciona antes das onze da matina!

Houve alguns motivos para eu escolher esse horário e é uma questão muito pessoal, mas pode servir de orientação para quem está se adaptando. Não adianta você copiar o horário ou a grade se isso não for o melhor para você, não tem receita nem fórmula, quem vai escolher o melhor no final é só você.

Uma das primeiras coisas que me levou a mudança de horário foi uma conversa que tive em um dos torneios live. Encontrei um excelente jogador de Ring Game que não está muito habituado com torneios e ele me perguntou sobre a qualidade de vida, sobre como era fazer sessões quase que obrigatórias de 10 horas e estar sempre se preparando para o pior. Afinal em fields gigantescos, por maior que seja o edge, não é fácil cravar. Bom, fiquei pensando bastante nisso e comecei a reparar na rotina antiga: acordar, comer, grind por longas horas e a hora que via já era onze da noite. Antes da session começar dava aquela preguiça de ir para a academia por exemplo, quando a session terminava já estava até tarde para curtir as coisas de casa. Conclusão: ficava até tarde assistindo um seriado ou grindando vídeos de poker. O primeiro passo foi em um day-off ir dormir mais cedo. Não adiantava dormir tarde e colocar despertador, como a rotina é sempre puxada uma noite de sono é pré requisito indispensável, fui dormir lá pelas onze da noite, não coloquei despertador nem nada e puft… Quatro da manhã estava de pé! E como quem está na chuva é para se molhar, levantei, comi alguma coisa e comecei o grind. Parei de me registrar no meio da tarde e ainda tive tempo de sobra para ir para a academia com a esposa e sair para jantar. Foi o suficiente ao menos para ver que estava aproveitando melhor alguns aspectos da vida pessoal e quanto melhor você se sente fora das mesas, melhor se sairá nelas.

O segundo ponto que me deixou desconfiado no começo foi o aspecto da grade de torneios. Desde o dia que entrei para o Akkari Team e comecei a levar o poker como profissão, sabia que a reta de torneios que começam lá pelas 13:00 é a melhor reta, tem os melhores The Big, os garantidos maiores etc… Felizmente a oferta de jogos nesse horário para mim é excelente, pego pelo menos três The Bigs, quando começo mais cedo pego o $16,5, o $33 e $44… Quando começo um pouco mais tarde pego o $33, o $44 e paro no The Big $22.

O field também conta muito, como cada canto do mundo está – obviamente – em um fuso, sempre haverá jogadores regulares e recreativos. Mas nessa hora do dia a proporção de regulares é menor, deixando o field mais soft. Um fato que tem seu lado bom e seu lado ruim é o tamanho do field, que nesse horário é bem reduzido. O lado ruim é que isso reflete na premiação que será relativamente menor, a chance de uma forrada das grandes diminui. Já o lado positivo é que chegamos em retas finais com maior frequência, a variância é menor! Fica um trabalho bem mais de formiguinha, mas para mim que estava vindo de uma fase não tão boa, ajuda e muito.

Fora o aspecto pessoal que só você vai saber da sua rotina, isso da grade é muito importante, se você joga torneios até $11 por exemplo, esse não é o melhor horário, por que parte do seu volume vai vir dos SnG’s que completam a reta e o melhor horário para formar os sits é durante à tarde. Se você ainda está nessa fase de construir bankroll, como vai jogar mais SnG que torneios pode fazer naturalmente sessions menores, os Sits Turbo de 180 pessoas raramente batem 2 horas e os regulares 4 horas, então dá para se adaptar facilmente, já que eles são o núcleo do seu grind.

Não foi por acaso que mudei algumas coisas e sempre fiquei atento ao que os jogadores mais experientes fazem, corrigindo um erro aqui e outro ali vamos chegando aos nossos objetivos!

Espero que ter compartilhado esses detalhes extra-mesas (mas que fazem toda a diferença nelas) ajude de alguma maneira no dia a dia de vocês! Ahhh… agora em julho será uma época bem bacana para o jogo live, essa semana jogo o CPH, na semana seguinte tem LAPT Peru e na outra BSOP… Estou pensando em fazer alguns textos sobre o jogo ao vivo, o que acham ?!

Abraços,
Ban!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s